terça-feira, 8 de dezembro de 2009


Seguimos resistindo e voltamos à programação cultural!


Felizmente, Mário Bortolotto, apesar de um quadro grave, tem reagido bem. Temos imensa esperança na sua completa recuperação.

Carcarah e Guta Ruiz passam bem.

Agradecemos a todos pela solidariedade, atenção e carinho que temos recebido nesses dias difíceis. Como já mostramos em nosso ato público O Teatro Resiste! Borbolotto viverá!, não vamos ceder à violência, muito menos aos que querem que a Praça Roosevelt volte à escuridão.

Por isso, vamos seguir normalmente com a programação cultural e com a convivência boêmia que tem transformado o entorno. Ontem, realizamos o encontro O Teatro e o Poder, com a Soninha Francine e seguiremos levando nossa programação cultural.



Além disso, estamos todos, Parlapatões, amigos e parceiros do Bortolotto, organizando em conjunto alguns eventos, que marquem nossa decisão de não recuar diante da violência, atuando com nossa arte.

Na quinta, dia 10/12, a partir de 23h, no Café Aurora, na rua treze de maio, 112, acontece o show da banda do Bortolotto, a Saco de Ratos, cuja renda será destinada à família dele.

Na sexta, no Espaço Parlapatões, a partir das 20h, acontecerá um leilão de obras de diversos artistas plásticos e ilustradores e as apresentações de O Papa e a Bruxa (dos Parlapatões) e de Brutal (de Bortolotto), cujas rendas serão destinadas à família do Bortolotto. Será um segundo ato de grande ocupação da Praça Roosevelt.

Vamos reagir e mostrar que o espaço público é do cidadão.

O que aconteceu conosco poderia ter acontecido em qualquer outro lugar da cidade.

Seja na Praça Roosevelt, numa região rica ou pobre de nossa cidade, não devemos deixar que bandidos nos acuem e nos prendam dentro de nossas casas.

Hoje, às 21h, teremos a única apresentação da Ópera Crua, um show acústico com Gero Camilo e Rubi.



Compareçam! Não vamos aceitar a marca de que a Praça Roosevelt venha a ser um lugar violento! Vamos ocupar os Teatros e bares para garantir o nosso espaço de convívio, arte e cultura!

4 comentários:

PRODUÇÃO EM CENA disse...

É isso aí! Daqui de SJCampos, estou enviando daimoku, a oração budista (NAM-MYOHO-RENGUE-KYO), para a total recuperação do Bortolotto. Quero estar com vocês na sexta-feira, ainda não sei se consigo. Não pode-se deixar mesmo, que rotulem a Praça como um local violento da cidade de SP.
Merda sempre!

julio saggin
12 8122-1527

Adriana Godoy disse...

Acho que o caminho é por aí mesmo! O show não pode parar. Sou de BH, mas se estivesse aí, certamnete iria. Já passei o recado pra uns amigos meus que moram em SP. Acho que vão. Então, viva a arte, viva Bortolotto!

Anônimo disse...

Precisamos circular e marcar território para que os inimigos da paz não tomem conta do pedaço.
Força a todos e que Deus ajude o Bortolotto a sair dessa.E vamo que vamo!

Muryel De Zoppa disse...

bacana! é bom saber que a despeito das atribulações as coisas andam a passos. delinear as intervenções, irromper esse mal estar, é como Bortô gostaria, penso.

tamos juntos e misturados!